top of page

Psicologia: Perguntas Frequentes


Recebo mais 200 perguntas diferentes por semana de pessoas que me encontram no Google, No Facebook e no Instagram. São tantas perguntas diferentes, que resolvi catalogar e tentar responder aqui ao máximo que eu conseguir.


psicologia, perguntas frequentes.
psicologia, perguntas frequentes.

Vamos lá


Este artigo tem como finalidade responder o maior número possível das infinitas perguntas que recebo no meu whatsapp todos os dias, buscando ajuda de um psicólogo.


Busco aqui reproduzir as perguntas da forma que são feitas, para não distorcer a intenção de quem a faz, bem como responder com o máximo de transparência.


Todas as respostas podem ser confrontadas com outros psicólogos sites de psicologia e até mesmo com entidades como CRP-SP e CFP (Conselho Federal de Psicologia) o conselho que cuida do Psicólogo do Brasil

Espero que este artigo seja útil!



PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE PSICOLOGIA CIÊNCIA E PROFISSÃO:


O que é Psicologia?

Psicologia é o campo da ciência que estuda o comportamento, as emoções, os sentimentos. Existem várias abordagens dentro da Psicologia


PERGUNTAS SOBRE PSICÓLOGOS E PSICÓLOGAS


O que faz um Psicólogo?

É o profissional formado em Psicologia, (o curso de Psicologia dura 5 anos) que pode atuar em diversas áreas: na clínica, nas escolas, nos hospitais e instituições de saúde em geral, em ONG’s, a domicílio e agora, também pode fazer atendimento psicológico Online. O Psicólogo online precisa de autorização do CRP para atender.


O Objetivo de nossa formação é levar bem estar no dia a dia de todas as pessoas que precisarem. Faz parte do nosso trabalho fazer avaliações Psicológicas para diversas finalidades, desde cirurgia bariátrica, laudos para adoção, etc.



O psicólogo pode atender online?

Pode. Deve. O Psicólogo online precisa de autorização do CRP para atender REMOTAMENTE


O que é a Ética do Psicólogo?

  • O Conselho Regional de Psicologia visa a fiscalização dos serviços prestados e para viabilizar e unificar a forma como o psicólogo do Brasil trabalham, elaborou o Código de Ética Profissional.


Como saber se o Psicólogo é bom?

A Dica é: procure referências na Internet, leia seu currículo, verifique se o CRP está ativo e se a proposta de atendimento dele atende suas demandas, pois cada PSICÓLOGO atende de um jeito particular, embora todos os PSICÓLOGOS tenham a mesma formação básica.O que torna um psicólogo realmente bom é a forma como atua, suas referências, sua inovação, sua autenticidade e sobretudo SUA FORMA DE ACOLHIMENTO, ALIADA AOS PADRÕES ÉTICOS. A boa formação é importante, porém, por si só, não representa muita coisa. Saiba mais sobre: como encontrar bons psicólogos Como os psicólogos agem para entender seus pacientes?

  • O atendimento psicológico deve sempre priorizar a demanda do cliente, buscando alternativas satisfatórias. Deste modo, o psicólogo pode:

    • Conversar - Algumas pessoas simplesmente não tem com quem conversar e buscam alguém que possa legitimar seus pensamentos, suas crenças e comportamentos. Neste sentido, é função do psicólogo ouvir e acolher esta demanda, ampliando os horizontes de entendimento do cliente.

    • Cuidar da "loucura" - O senso comum afirma que "de médico e louco todo mundo tem um pouco". De fato é difícil conceber os limites entre a sanidade e a insanidade, o que gera muitos equívocos.

    • Ajudar na modificação de comportamentos e pensamento indesejáveis (do ponto de vista do cliente). Algumas pessoas desejam modificar comportamentos que dificultam sua interação social.

    • Dar supor nas horas difíceis - Chamamos isto de "ajuda emocional". são atendimentos breves e focais, apenas para auxiliar o cliente a lidar com aquela demanda específica. Este trabalho é realizado tanto na clínica, como no ambiente do paciente (casa, trabalho, escola, etc). Neste momento o psicólogo serve como um suporte emocional O objetivo aqui é oferecer algum conforto nos momentos mais dolorosos, minimizando o sentimento de solidão e abandono.

PERGUNTAS SOBRE PSICOTERAPIA

O que é Psicoterapia?

Psicoterapia é o trabalho do Psicólogo voltado para o atendimento clínico, a fim de ajudar as pessoas a resgatarem ou manterem a saúde mental do paciente.


É possível atender em várias abordagens e as mais conhecidas são: Psicologia Comportamental (Behaviorismo); Psicologia Cognitivo-comportamental; Psicanálise (Lacaniana, Jungiana, Reichiana e Freudiana clássica) as Humanistas, e as Neurociências (inclui-se aqui a Neuropsicologia).


  • Psicanálise – Refere-se ao estudo do Inconsciente do indivíduo. O atendimento em psicanálise é dado por um Psicanalista, dentro de seu consultório de psicanálise. Geralmente conduzida por PSICÓLOGOS ou PSICÓLOGA com formação em PSICANÁLISE.


  • Terapia cognitivo comportamental – Modelo de terapia aplicada por um psicólogo com formação em TCC, que visa tratar de distorções de pensamentos, comportamentos e crenças. Ideal para tratamento de Ansiedade e depressão.



Posso fazer terapia online? Sim, claro, desde que você tenha um equipamento com conexão à internet


Quando procurar Psicoterapia?


Nos momentos mais difíceis, buscando alívio para sua ansiedade, depressão, estresse, ciúme, dificuldade de relacionamento ou para ajudar aqueles que amam.


Quando sentir que precisa de um empurrãozinho emocional, ou seja, quando não estiver conseguindo lidar sozinho (a) com algumas coisas.




Quem pode se beneficiar da Psicoterapia:

Pessoas em geral, não necessariamente pessoas com transtornos mentais.


Como a Psicoterapia pode ajudar?

A psicoterapia, realizada por psicólogos credenciados, é indicada para quem busca ajuda emocional.


De muitas formas:


1) Ajudando o paciente a expor sua queixa;

2) Ajudando o paciente entender os motivos que o fazem sofrer e ampliando a sua compreensão sobre os fatos. Muitas pessoas sofrem por causa do que pensam sobre a vida, e não sobre a vida em si. A Psicoterapia ajuda a enxergar mais realisticamente a vida;

3) Orientando na modificação do comportamento;

4) Favorecendo a autonomia do indivíduo para que ele não precise de terapia.


O que falar na primeira sessão

A psicoterapia (sessão de terapia com psicóloga) é o momento de passar a vida a limpo.

  • De começar a reescrever a própria história. Sobre o que iremos conversar? O que for relevante para você: relacionamentos, trabalho, família, vida social, sexualidade, decepções, conquistas, planos, visão de mundo, etc.

  • É uma sessão de acolhimento para o cliente me conhecer, e saber se o que eu tenho pra oferecer é o que busca ou precisa.

  • O Objetivo aqui é acolher a queixa, proporcionando um momento de desabafo e reflexão, para que o paciente saia sentindo-se melhor do que quando entrou.

  • É comum que as pessoas não saibam o que falar, nem como falar, nem mesmo se devem falar coisas muito íntimas e dolorosas.

  • Isto não é um problema. Com tempo, as pessoas vão se abrindo um pouco mais, até onde acharem que devem.


Como funcionam as sessões seguintes?


São sessões que podem durar até, 50 minutos.

Podem ser semanais, quinzenais, mensais ou esporádicas.

Sempre com hora marcada.

  • Nestes atendimentos, damos sequência ao que foi iniciado na primeira sessão, buscando formas de minimizar as angústias, de refletir sobre o que foi conversado

É muito comum que as pessoas venham com novos problemas nas sessões seguintes, porque a psicoterapia deixa as pessoas com mais lucidez e assim, conseguem ver coisa que antes não enxergavam.


O que o Psicólogo anota durante a sessão?

Você tem o direito de saber o que o Psicólogo anota durante a sessão. Pode perguntar isso a ele sem nenhum constrangimento.


Eu geralmente anoto os dados relevantes: nome idade, profissão, e um resumo da queixa principal. A cada atendimento, anoto a evolução do caso, a data, e a duração da sessão.

O Paciente também pode anotar coisas.


Qual a melhor terapia para você?


Certamente, o tipo de terapia mais eficaz para você, será aquele que ajudará a produzir os resultados que você busca, para romper com padrões limitantes de pensamentos e comportamentos. Saiba mais sobre: qual a melhor terapia para você


Terapia cognitivo comportamental -TCC


Modelo de Terapia Cognitivo Comportamental que visa tratar de distorções de pensamentos e crenças, favorecendo a modificação de comportamentos. A Terapia Cognitivo Comportamental é um tratamento psicológico de curta duração e efeitos mais rápidos, pois busca tratar um problema de cada vez.


Indicada para casos de depressão, ansiedade, dificuldade de relacionamento, estresse e para quem quer perder peso.



Como funciona a Psicoterapia infantil?

A consulta deve ser agendada pelos pais ou responsáveis, que nesse caso podem ou não acompanhar

Na psicoterapia infantil, a consulta é geralmente agendada pelos pais ou responsáveis pela criança.


Durante as sessões, o psicólogo utiliza abordagens e técnicas específicas para crianças, como jogos, brincadeiras, desenhos e conversas adaptadas à linguagem infantil.


O objetivo é ajudar a criança a expressar suas emoções, compreender seus pensamentos e desenvolver habilidades para lidar com desafios emocionais e comportamentais.


Em alguns casos, os pais podem participar de parte das sessões para compreender melhor o processo terapêutico e aprender estratégias para apoiar o desenvolvimento emocional e comportamental da criança fora do consultório. O psicólogo infantil também trabalha em estreita colaboração com a família para promover um ambiente saudável e de apoio para a criança.


Saiba mais sobre:

Como a Terapia de Casal pode ajudar?

Pode ajudar a organizar a vida a dois, entender a dinâmica e o papel das pessoas na relação afetiva. Neste caso a terapia ajuda o casal a dialogar melhor e ambas as partes podem resgatar a qualidade de vida emocional.


Claro! A terapia de casal pode ser muito eficaz para organizar a vida a dois e melhorar a dinâmica das relações afetivas.


O psicólogo pode ajudar o casal a entender melhor suas próprias necessidades, expectativas e padrões de comportamento, facilitando um diálogo mais aberto e construtivo entre as partes.


Durante as sessões, são explorados temas como comunicação, resolução de conflitos, gestão de emoções e construção de intimidade.


Com isso, ambas as partes têm a oportunidade de resgatar a qualidade de vida emocional, fortalecer o vínculo afetivo e construir um relacionamento mais saudável e satisfatório.


Psicólogo pode atender pessoas próximas, como por exemplo dois irmãos, mãe e filho, etc?

Isto fica a critério de cada um.

Não há nada que proíba, desde que o sigilo seja preservado.


Um psicólogo pode atender pessoas próximas, como irmãos, mãe e filho, entre outros, desde que seja respeitado o princípio ético do sigilo profissional.


Isso significa que o psicólogo deve garantir a confidencialidade das informações compartilhadas durante as sessões, independentemente do vínculo entre os pacientes.


Dessa forma, é importante que os envolvidos estejam cientes e de acordo com a decisão de buscar terapia com o mesmo profissional, considerando sempre o respeito pela privacidade e individualidade de cada um.


O que eu devo falar na primeira consulta para fazer um bom atendimento?

Para o paciente, a primeira consulta é um momento crucial em que ele busca conexão e confiança com o psicólogo(a).


É importante que a psicologa sp crie um ambiente acolhedor e seguro, onde o paciente se sinta à vontade para expressar suas emoções e compartilhar sua história de vida.


Na visão do paciente, a primeira consulta deve ser um espaço de escuta atenta e compreensão, onde ele se sinta ouvido e compreendido em suas dificuldades e desafios emocionais.


O psicólogo(a) deve demonstrar empatia e interesse genuíno pelo seu bem-estar, criando um vínculo terapêutico sólido desde o início.


Além disso, o paciente espera que o psicólogo(a) seja capaz de oferecer orientações e insights relevantes para sua situação, mostrando competência profissional e respeito pelas suas experiências e sentimentos.


A primeira consulta é o ponto de partida para uma jornada de autoconhecimento e transformação pessoal, e o paciente espera sentir-se compreendido e apoiado nesse processo.


Saiba mais sobre:

Como saber se a terapia está funcionando?

A psicoterapia que "funciona" é aquela que leva o indivíduo a se sentir melhor consigo mesmo e com o seu meio social.



Quanto tempo leva para a Psicoterapia apresentar resultados?

Depende da demanda, da psicóloga, do paciente, da frequência, do interesse do psicólogo e do paciente, do engajamento e comprometimento de todos.


Na Psicoterapia breve, os resultados costumam aparecer rápido, porém aqui nós trabalhamos com um problema de cada vez.


Nas Psicoterapias mais longas (psicanálise) os resultados demoram para aparecer, porém todos os assuntos são abordados e analisados.


Qual o resultado da Psicoterapia?

Novos sentimentos surgem de corações que eram (supostamente) áridos; a coragem parece brotar como flores que nasceram no asfalto; sentimentos inconfessáveis têm passagem livre dentro do consultório de psicoterapia; certezas absolutas dão lugar à dúvidas, etc.


Como é o ambiente da Psicoterapia

O ambiente da terapia é sempre acolhedor, seja na terapia online ou terapia presencial oferece: Sigilo, Segurança, Serenidade, Sincronicidade, Singularidade

  • Sigilo - Nada do que for dito em uma sessão de terapia poderá ser revelado.


  • Segurança – É dever do psicólogo garantir a segurança das suas intervenções, métodos, diagnósticos e análises

  • Serenidade – Uma sessão de terapia precisa ser um momento de serenidade, para que o cliente possa expor seus medos, angústias e receios, e possa sair melhor que entrou.

  • Sincronicidade – O Psicólogo precisa acompanhar o discurso do Psicólogo para compreender sua história, acolher sua dor e ser agente de mudanças;


  • Singularidade – Reconhecer que cada indivíduo é único, evoluir, com sentimentos e emoções muito particulares.


Como um psicólogo pode ajudar uma pessoa que não quer ser ajudada?

Seria uma violencia psicológica da nossa parte obrigar alguém fazer terapia, quando ela claramente se opõe. O máximo que podemos fazer nestes casos é esclarecer sobre os benefícios da Terapia, colocando à disposição. A decisão de fazer terapia cabe unicamente ao indivíduo.


Como ajudar uma pessoa que está sofrendo muito?

Orientando-a a buscar Psicóloga e em alguns casos Psiquiatra . estes atendimentos Podem ajudar a resgatar a serenidade, o bem estar, promovendo a paz interior e ajuda a deixar a vida mais leve. Você passa a viver um dia de cada vez, podendo resgatar a serenidade perdida pelas estradas tortuosas das preocupações que geram ansiedade e das desesperanças que geram depressão.


A terapia ajuda Passar no vestibular?

Pode ajudar sim, pois ajuda a resgatar a capacidade de concentração, atenção e memória.


A terapia ajuda a emagrecer sem fazer cirurgia bariátrica?


Ajuda, mas não substitui.

Para quem tem indicação para bariátrica, o ideal é fazer as duas coisas juntas.


Como a terapia ajuda fazer meu filho ser mais dócil?

Existem casos em que acriança não tem transtorno, não tem problema em casa, tem saúde, está bem alimentada, não é mimada, tem material, e ainda assim, apresenta dificuldades. a dica aqui é que busque avaliação psicológica, com psicólogo infantil especialista em crianças, para que se possa compreender corretamente os motivos


PERGUNTAS à Psicóloga sp sobre Relacionamentos


Como a terapia pode ajudar nas questões de relacionamentos?

Sim, ajuda e ajuda muito nestes casos.


A partir de uma releitura de alguns eventos traumáticos na vida do indivíduo, vamos ressignificando alguns sentimentos, que depois de um tempo deixam de fazer sentido.


E assim, as pessoas vão se abrindo mais para a vida e para os relacionamentos, fazendo escolhas mais conscientes, mais saudáveis e mais felizes.


Preços e condições de pagamento

Quanto custa uma consulta com Psicólogos em SP?

Consulte a tabela atualizada de Preço da consulta com a Psicológa SP


A divulgação dos preços de terapia deve ser feita de forma clara, transparente e ética. É importante seguir as diretrizes e normas estabelecidas pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) e pelo Código de Ética Profissional do Psicólogo. Alguns pontos a considerar são:

  1. Transparência: Os preços devem ser divulgados de maneira clara e acessível, seja no site, em materiais informativos ou durante o primeiro contato com o paciente.

  2. Informação Completa: Além dos valores por sessão, é importante informar sobre formas de pagamento aceitas, política de reembolso (se aplicável), e eventuais descontos ou pacotes oferecidos.



Saúde mental: que tal malhar a mente?

Комментарии


bottom of page