top of page

Relacionamentos com pessoas narcisistas


  • Pessoas narcisistas têm um comportamento manipulador para controlar os outros.

  • Elas têm dificuldade em entender e se importar com os sentimentos dos outros.

  • Precisam de constante admiração e atenção para sustentar sua autoimagem grandiosa.

  • Relacionar-se com uma pessoa narcisista pode resultar em desequilíbrio de poder.

  • Elas passam por um ciclo de idealização e depreciação em seus relacionamentos.

  • Relacionar-se com uma pessoa narcisista pode afetar negativamente a saúde mental.

Relacionamentos com pessoas narcisistas - como identificar?


Havia uma vez uma pessoa chamada Y. Ela era uma pessoa encantadora e carismática, mas tinha uma característica que afastava as pessoas: seu comportamento narcisista.

Y sempre buscava ser o centro das atenções, sempre falando sobre suas conquistas, seus talentos e sua beleza. Ela esperava que todos a admirassem e a colocassem em um pedestal. No entanto, as pessoas ao seu redor começaram a sentir-se exaustas e desvalorizadas.

No início, Y acreditava que todos a invejavam e que era natural que ela fosse o foco de todas as atenções. Mas com o tempo, ela começou a perceber que os relacionamentos eram superficiais e que as pessoas se afastavam dela.

Seus amigos, cansados ​​de serem constantemente ignorados e menosprezados, começaram a se distanciar. Eles se sentiam invisíveis em sua presença, pois Y não mostrava interesse genuíno em suas vidas ou em suas preocupações. Y também perdeu oportunidades valiosas de crescimento pessoal e profissional. Ela tinha dificuldade em trabalhar em equipe, pois sua necessidade constante de estar no centro das atenções e de ser superior dificultava a colaboração.

Com o tempo, Y começou a se sentir solitária e isolada. Ela percebeu que sua busca incessante por admiração e sua falta de empatia estavam prejudicando seus relacionamentos e sua própria felicidade.

Foi um momento de despertar para Y. Ela percebeu que precisava mudar sua abordagem e cultivar relacionamentos saudáveis ​​e genuínos. Com a ajuda de um terapeuta, ela começou a explorar suas inseguranças subjacentes e a desenvolver empatia pelos outros.

Y aprendeu a valorizar as pessoas ao seu redor, a ouvir atentamente suas histórias e a se interessar sinceramente por suas vidas. Ela começou a entender que a verdadeira felicidade estava em cultivar relacionamentos significativos e saudáveis, em vez de buscar apenas a admiração externa.

À medida que Y se tornava mais consciente de suas próprias atitudes e comportamentos narcisistas, ela gradualmente começou a reconstruir seus relacionamentos. Ela se desculpou sinceramente por suas ações passadas e mostrou um compromisso genuíno em mudar.

Com o tempo, Y foi capaz de reconstruir sua reputação e reconquistar a confiança das pessoas que se afastaram dela. Ela aprendeu que o verdadeiro valor não está em ser o centro das atenções, mas em nutrir relacionamentos saudáveis ​​e autênticos, onde há espaço para o crescimento mútuo e o respeito mútuo.

A história de Y é um lembrete de que, mesmo as pessoas com comportamento narcisista, têm a capacidade de mudar e crescer. Com autoconsciência, reflexão e um compromisso genuíno em se tornar uma pessoa melhor, é possível construir relacionamentos mais saudáveis ​​e significativos.



Narcisismo, narcisistas, psicologa para tratamento narcisismo

O relacionamento com pessoas narcisistas



Relacionar-se com pessoas narcisistas pode ser desafiador e impactar significativamente a vida emocional e psicológica daqueles envolvidos.


Um transtorno de personalidade narcisista é caracterizado por um padrão persistente de grandiosidade, necessidade de admiração excessiva, falta de empatia e busca por atenção constante.

Aqui estão algumas informações importantes sobre relacionamentos com pessoas narcisistas:

  1. Comportamento manipulador: Pessoas narcisistas tendem a ter um comportamento manipulador para obterem o que desejam. Elas podem usar táticas de manipulação emocional, como a gaslighting (fazer com que você duvide de sua própria percepção da realidade), o silenciamento e a invalidação de seus sentimentos, a fim de exercer controle sobre você.

  2. Falta de empatia: A falta de empatia é uma característica central do transtorno narcisista de personalidade. Pessoas narcisistas têm dificuldade em compreender e se conectar emocionalmente com as necessidades e sentimentos dos outros. Elas tendem a priorizar suas próprias necessidades e desejos acima de tudo.

  3. Busca por admiração constante: Pessoas narcisistas precisam de constante admiração e atenção. Elas buscam validação externa para sustentar sua autoimagem grandiosa. No entanto, essa busca incessante por admiração pode ser exaustiva para os que estão ao redor e levar a uma sensação de esgotamento emocional.

  4. Relacionamentos desequilibrados: Relacionar-se com uma pessoa narcisista geralmente resulta em um desequilíbrio de poder. Elas tendem a dominar e controlar os relacionamentos, enquanto os outros são colocados em um papel de subserviência. Isso pode levar a uma perda de identidade e diminuição da autoestima nas pessoas envolvidas.

  5. Ciclo de idealização e depreciação: Pessoas narcisistas frequentemente passam por um ciclo de idealização e depreciação em seus relacionamentos. No início, elas podem idealizar e idealizar a pessoa com quem estão envolvidas, mas, eventualmente, começam a depreciá-la e desvalorizá-la. Esse padrão pode ser emocionalmente desgastante e confuso para a outra pessoa.

  6. Impacto na saúde mental: Relacionar-se com uma pessoa narcisista pode ter um impacto significativo na saúde mental. Pode levar a sentimentos de ansiedade, depressão, baixa autoestima e uma sensação de estar constantemente em guarda. É fundamental buscar apoio e cuidar da saúde emocional nessas situações.

Ao lidar com um relacionamento com uma pessoa narcisista, é importante estabelecer limites saudáveis, buscar apoio emocional através de amigos, familiares ou terapia, e, em alguns casos, considerar a possibilidade de afastamento do relacionamento se a situação se tornar tóxica ou abusiva.

Lembrando que o transtorno narcisista de personalidade é uma condição complexa e pode variar em intensidade de pessoa para pessoa. Se você está enfrentando dificuldades em um relacionamento com uma pessoa narcisista, buscar a orientação de um profissional de saúde mental pode fornecer o suporte.

Comments


bottom of page